25 Abril 2013

RS volta a exportar soja em containers para China

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)
por Leonardo Gottems

O Rio Grande do Sul volta neste mês a exportar uma carga de soja em containers para a China: serão 45 unidades levando 1.035 toneladas do grão. Essa é a primeira vez desde 2008 que isso acontece, pois neste ano o estado parou de transportar nessa modalidade em função de um melhor preço dos fretes em navios graneleiros.

A empresa Multirural de Tupancireta, de propriedade de Pedro Herter, contratou o consultor João Carlos Kopp, da JC.Kopp. Iniciou-se então parceria com uma trading chinesa, tradicional cliente dos Estados Unidos e Canadá, mas que ainda não havia comprado no Brasil.

“Este ano começamos  desenhar esta operação, e na semana que vem parte um navio do Porto de Rio Grande. Parece pouco em comparação com o volume de um (graneleiro) Panamax, mas é bem significativo para o agronegócio brasileiro abrir esta nova frente”, destaca Kopp.

O consultor alista algumas vantagens de exportar em containers: “É muito improvável um navio pagar demugem por ficar esperando para atracar, como no caso dos graneleiros, que podem chegar a custar US$ 60 mil por dia. Isso porque o fluxo de carregamento de containers é contínuo. Também não sofremos com os prêmios negativos do porto, pois os nossos caminhões não tem que esperar os navios carregarem para sobrar espaço nos armazéns”.

Ele continua: “Possibilita ainda o embarque de pequenos volumes, o que pode atender pequenas, médias e grandes empresas, assim como produtores, facilitando o acesso de todos à exportação. Além disso, o frete marítimo é mais barato, pois os containers voltam vazios, e então conseguimos aproveitar o transporte. A diferença de custo pode chegar a até 50% por tonelada abaixo de um navio graneleiro”, conclui Kopp.



Fonte Agrolink

Mais Notícias

Ministério da Agricultura admite atraso no Funcafé

03-09-2015

O Ministério da Agricultura pode tomar medidas para que os recursos do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé), no próximo ano, sejam liberados para os bancos mais rapidamente. O secretário de Política Agrícola da pasta, André Nassar, admitiu que esses contratos foram assinados com algum atraso em 2015.O ideal, na avaliação dele, deveria ter...

Leia mais...

BB vai reduzir prazo de liberação de crédito

03-09-2015

O presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Luiz Moan, confirmou, em conversa com um grupo de jornalistas na capital gaúcha, que nesta quinta, dia 3, terá início um mecanismo acordado com o Banco do Brasil para diminuir o prazo de liberação de crédito para a compra de máquinas e implementos agrícolas....

Leia mais...

Processamento de cacau cai 9% no 1º semestre

03-09-2015

A indústria brasileira de processamento de cacau deve registrar o terceiro ano seguido de queda na moagem de amêndoas. De acordo com levantamento da Associação Nacional das Indústrias Processadoras de Cacau (AIPC), que representa 95% do parque processador da amêndoa no Brasil, a moagem no primeiro semestre de 2015 somou 105,987 mil toneladas, ...

Leia mais...

Produtores fazem tratoraço contra MST em Castro/PR

03-09-2015

Produtores rurais protestam, na manhã desta quinta, dia 3, contra a invasão do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) em uma fazenda da Fundação ABC, em Castro (PR). Devido à ocupação, que dura no mínimo oito dias, na semana passada os agricultores foram impedidos participar de um dia de campo com pesquisadores. A prefeitura cedeu ...

Leia mais...

MT: plantio começa dia 16 após fim do vazio

02-09-2015

O plantio da soja 2015/2016 em Mato Grosso deve começar a partir do dia 16 de setembro. Até o dia 15 vigora o período de vazio sanitário, quando está proibida a presença de plantas vivas na lavoura, medida adotada para evitar a ferrugem asiática. Segundo a Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), em nota, os produto...

Leia mais...

Preço mais baixo estimulará demanda por milho

02-09-2015

O presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Milho (Abramilho), Sérgio Bortolozzo, disse nesta quarta, dia 2, que os preços mais fracos do cereal estão estimulando a demanda e fazendo com que os importadores elevem seus estoques. Ele, no entanto, não vê o mercado saturado.Bortolozzo, que também preside a Maizall, aliança internacional do...

Leia mais...

Processamento de cacau cai 9% no 1º trimestre

02-09-2015

A indústria brasileira de processamento de cacau deve registrar o terceiro ano seguido de queda na moagem de amêndoas.De acordo com levantamento da Associação Nacional das Indústrias Processadoras de Cacau (AIPC), que representa 95% do parque processador da amêndoa no Brasil, a moagem no primeiro semestre de 2015 somou 105,987 mil toneladas, uma qu...

Leia mais...

Custo de produção de arroz e soja será maior

02-09-2015

A Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul) divulgou nesta quarta, dia 2, o resultado de um estudo anual feito em parceria com a Cepea/Esalq que reporta uma disparada dos custos de produção na safra 2015/2016 de arroz e de soja no estado.De acordo com a pesquisa, o arroz registra um aumento de 15% nos custos de produção na comparação c...

Leia mais...

Mercado futuro reduziria volatilidade do etanol

02-09-2015

O presidente da consultoria Datagro, Plínio Nastari, defendeu a maior utilização do mercado futuro para a comercialização do etanol como forma de reduzir a volatilidade desta commodity e garantir a longevidade da cadeia sucroalcooleira. Nos bastidores do evento de lançamento do Global Agribusiness Forum 2016, em São Paulo, Nastari alertou que ...

Leia mais...