26 Março 2020

Autoridades e trabalhadores unem esforços para manter o fluxo do agro

Escrito por 
Avalie este item
(0 votos)

No último sábado, 2, o governo federal publicou um decreto estabelecendo que produção, distribuição e comercialização de alimentos e bebidas são atividades essenciais e, portanto, não podem ser interrompidas durante a crise  provocada pelo coronavírus. Mesmo assim, medidas locais de municípios e Estados restringem a circulação de transportadores de cargas. Nesta terça-feira, 24, a cidade de Canarana (MT), importante produtora e exportadora de grãos, proibiu o trânsito de caminhões nas divisas.  As tradings da região tiveram que interromper os trabalhos. O processo foi aberto pelo prefeito Fábio de Farias, que propôs um prazo de dez dias para as empresas se adaptarem à determinação. 

Autoridades do agronegócio enfatizam que o setor tem totais condições de manter as atividades. A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, divulgou um vídeo afirmando que  estão sendo tomadas todas as medidas para que a vigilância, a fiscalização e o elo da cadeia produtiva, da produção à exportação, não sejam interrompidas. Trabalhadores do setor enviaram vídeos ao Programa Ligados & Integrados reafirmando seu compromisso com a produção e a distribuição de alimentos. Sávio Soares, de Seara (SC), trabalha em uma granja como apanhador de animais. Ele disse que recebeu da empresa todas as instruções para se proteger.

“Dentro das vans foram colocadas garrafinhas com álcool em gel. A gente chega e higieniza as mãos, e quando saímos, é a mesma coisa. Antes de entrar no pátios do aviários a gente tira a esteira e desinfeta para não ter perigo nenhum. O mundo enfrenta um momento muito complicado, e nos sentimos honrados por estar trabalhando para colocar alimento na mesa do brasileiro. Estamos dando nosso máximo e não podemos parar”, disse Sávio.

Valdecir Piccoli, de Santo Inácio (PR), é empresário do ramo de transportes com foco no carregamento de animais para frigoríficos e também entre granjas. Ele afirmou que não encontrou impedimentos na região onde atua. “Não encontramos barreiras, mas recebemos orientações. A gente já segue um procedimento operacional, só adequamos nossa rotina profissional para dar continuidade aos trabalhos. Já tínhamos sempre álcool em gel disponível e agora orientamos os motoristas a deixarem as janelas dos veículos abertas e desinfetarem os lugares onde encostam e sentam, além de manterem uma distância mínima segura de outras pessoas. Também orientamos a monitorarem os lugares onde moram e comunicarem caso notem problemas para que possamos tomar as providências cabíveis. Se qualquer profissional do ciclo de produção parar, seria um caos. Os negócios não se manteriam e  muitas famílias ficariam sem emprego. O bom diálogo com os prestadores de serviços em um momento assim é essencial. Todos aqui estão cientes de sua importância e estão com a saúde preservada”, afirmou.

Vamiré Sens Júnior, gerente de Sustentabilidade da Seara, explicou que os colaboradores estão mais tranquilos agora, entendendo melhor a situação do país. “A nossa rotina de produção segue todas as recomendações para continuar assegurando a qualidade dos nossos produtos. Estamos mantendo o fluxo normalmente, e não enfrentamos dificuldades com a logística e o transporte dos animais”, disse. 

O presidente da Associação Nacional dos Transportadores de Cargas (ANUT), Luis Baldes, declarou que os próximos quatorze dias serão cruciais para a economia. Em carta entregue ao governo federal, a entidade pede a suspensão temporária da cobrança de pedágio e de fiscalização nas rodovias durante a vigência do decreto de calamidade pública em razão da pandemia do coronavírus. Baldez defende que as medidas ajudariam a agilizar o escoamento da produção agropecuária e industrial. 

 


Fonte Canal Rural

Mais Notícias

Dia do Pecuarista: setor passará por transformação nos próximos 20 anos

15-07-2020

Neste 15 de julho é comemorado mais um Dia do Pecuarista. Esses produtores se dedicam à alimentação, sanidade, reprodução e bem-estar animal, sendo responsáveis por fortalecer e movimentar a economia do país. O Canal Rural celebra esta data olhando para o futuro do setor.Estudo produzido pela aponta diversas tendências para a pecuária brasileira n...

Leia mais...

Hortifrúti: renda de quase 70% dos produtores caiu na pandemia

15-07-2020

Quase 70% dos produtores de frutas e hortaliças consultados pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) tiveram a rentabilidade prejudicada por conta da pandemia de Covid-19.Segundo a pesquisadora Marina Marangon, apesar de ser um serviço essencial, o setor de hortifrúti sentiu os impactos da interrupção das atividades, principalm...

Leia mais...

‘Após regularização na Amazônia, governo precisa intensificar fiscalização espacial’

15-07-2020

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, anunciou nesta quarta-feira, 15, que o governo está organizando uma força-tarefa para conceder titularidade a proprietários de terras, com até quatro módulos fiscais, na região da Amazônia Legal. A regularização fundiária deve ser feita por meio de sensoriamento remoto, utilizando imagens de satélite.Segu...

Leia mais...

ABPA: produtores de aves e suínos focam investimentos no Centro-Oeste

15-07-2020

O embargo da China a quatro frigoríficos do Rio Grande do Sul, sendo dois de aves e dois de suínos, deve acelerar o processo de investimento em novas plantas no Centro-Oeste. A afirmação é do presidente da , Francisco Turra. Segundo ele, a decisão do governo chinês prejudica a imagem do estado.A migração já é uma realidade por conta a baixa oferta ...

Leia mais...

Governo deve enviar reforma tributária ao Congresso nesta semana

15-07-2020

O Ministério da Economia fechou a proposta de reforma tributária e deve enviar o projeto para a Casa Civil ainda nesta semana. O texto da equipe do ministro Paulo Guedes vai ser enviado ao legislativo na forma de um projeto de lei, unificando tributos federais, como PIS/Cofins, na contribuição sobre bens e serviços.Vai ser um tributo sobre valor ag...

Leia mais...

Contra a seca, RS anuncia R$ 55 milhões para poços e açudes

15-07-2020

Os 412 municípios do Rio Grande do Sul que enfrentaram a longa estiagem, entre o final do ano passado e o começo de 2020, vão receber pagamento de horas-máquina para recuperação de estradas, recursos para a perfuração de poços artesianos e a construção de açudes.No pacote de apoio do governo estadual, da Assembleia Legislativa, do Ministério de Des...

Leia mais...

Decreto permitirá uso de sensoriamento remoto para áreas de até 4 módulos fiscais

15-07-2020

Nesta quarta-feira, 15, a ministra da Agricultura Tereza Cristina anunciou que o governo está iniciando o processo de regularização fundiária, na Amazônia Legal, para propriedades com até quatro módulos fiscais, utilizando sensoriamento remoto. De acordo com a lei 11.952/2009, a titulação para áreas com essas dimensões pode ser feita com a dispensa...

Leia mais...

Carnes: ABPA garante que Brasil mantém boa relação com a China

15-07-2020

A suspensão das exportações de quatro frigoríficos do Rio Grande do Sul, sendo dois de carne de frango e dois de carne suína, vem sendo tratada com atenção pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), que avalia que as suspensões forma mais por causa de uma precaução da China diante das notícias de novos casos de Covid-19 nesse ambiente do...

Leia mais...

Boi gordo tem quarta-feira de preços firmes no Brasil; veja as cotações

15-07-2020

Os preços do boi gordo seguiram firmes nesta quarta-feira, 15. De acordo com a consultoria Safras, a oferta de animais terminados, no geral, ainda é restrita, confirmando a tendência de um confinamento de primeiro giro mais discreto em 2020.“Essa é uma consequência da menor atratividade dos preços do boi gordo, tanto no mercado físico quanto ...

Leia mais...